(31) 3224-2434
Memória Histórica
            Institucional             Memória Histórica      

Os 29 bispos e arcebispos mineiros e capixabas realizaram seu 1º Encontro na Casa de Retiros São José, em Belo Horizonte, MG, nos dias 08 a 11 de março de 1966. Neste 1º Encontro foram fixados o plano de pastoral conjunto para as Igrejas de Minas Gerais e Espírito Santo e as diretivas comuns para as dioceses.

Estiveram presentes dom Oscar de Oliveira (Mariana); dom Hermino Malzone (Governador Valadares); dom José Eugênio Côrrea (Caratinga); dom Marcos Antonio Noronha (Itabira); dom José Alves Trindade (Montes Claros); dom Frei Quirino Adolfo Schimitz (Teófilo Otoni); dom João Batista (Januária); dom João Resende Costa, Dom Serafim Fernandes de Araújo (Belo Horizonte); dom Belchior Joaquim da Silva Neto (Luz); dom José de Medeiros Leite (Oliveira); dom Daniel Tavares B. Neves (Sete Lagoas); dom Cristiano Portela Araújo (Divinópolis); dom Alexandre Gonçalves de Amaral (Uberaba); dom José André Coimbra (Patos de Minas); dom Almir Marques Ferreira (Uberlândia); dom Raimundo Luiz (Paracatu); dom José D’Angelo Neto (Pouso Alegre); dom Othon Motta (Campanha); dom José de Almeida Batista Pereira (Guaxupé); dom Geraldo Maria de Morais Penido (Juiz de Fora); dom Delfim Ribeiro (São João Del Rei); dom Geraldo Ferreira Reis (Leopoldina); dom João Batista de Motta (Vitória); dom Luiz Gonzaga Fernandes; dom José Davit (São Mateus).

Embora ausentes desse primeiro encontro, outros bispos e arcebispos compunham o setor Leste 2 da CNBB nesta época: dom Antônio dos Santos Cabral (Belo Horizonte); dom Serafim Gomes Jardim (Anasarta); dom Manuel Nunes Coelho (Luz); dom Rodolfo das Mercês O. Rena (Apolides).

Na primeira Assembléia do Setor Leste 2 da CNBB esteve presente o arcebispo de Brasília dom José Newton B. Pereira.
O objetivo da reunião dos bispos foi avaliar a repercussão das decisões tomadas no Concílio Vaticano II, a ação da Igreja a partir do Plano Nacional de Pastoral de Conjunto a luz da realidade de MG e ES, cujo documento foi elaborado em Roma em finais de 1965. Outros assuntos discutidos: liturgia, evangelização e catequese.

Deste modo o encontro do Setor Leste 2 seguindo passo a passo o Plano de Pastoral da CNBB buscou traçar normas especiais dentro dos seguintes objetivos: 

Promover a mais plena unidade visível de Igreja, como povo de Deus, inclusive em suas estruturas externas;
Promover a ação missionária;
Promover a ação catequética;
Promover a renovação litúrgica;
Promover a ação ecumênica;
Promover a inserção do povo de Deus no mundo para que os cristãos possam atuar como fermento, segundo os desígnios de Deus.
 

O Encontro Regional dos Bispos de MG e ES teve por característica um grande espírito de fraternidade e um estudo atento dos problemas da Região.
O Encontro foi assessorado por Francisco Whilacker. Sendo subsecretário Pe. Candido Bisewski.

Desde então os Bispos do Regional até 1970 encontravam-se anualmente; a partir de 1970 passaram a encontrar-se duas vezes por ano, uma reunião privativa, realizada no 1o semestre (junho) e uma Assembléia Regional, realizada em novembro.

Últimas Notícias
                  
Área do Participante
Esqueceu sua senha? Ainda não tem cadastro? Clique aqui.
Área do Participante
Esqueceu sua senha? Ainda não tem cadastro? Clique aqui.
Esqueceu a senha
Inscreva-se