(31) 3224-2434
(31) 3224-0017
Notícia
            Notícias             Notícias             Banho solidário em Governador Valadares (MG): É tempo de cuidar da saúde e da higiene
Banho solidário em Governador Valadares (MG): É tempo de cuidar da saúde e da higiene 01 de Julho de 2020 Pastorais
A a     

Acolher as pessoas em situação de rua oferecendo um banho quente e roupas limpas em um momento de confraternização. Essa é a ação do Banho Solidário, em Governador Valadares. Realizado pela Cáritas Diocesana e pela Pastoral do Povo de Rua, o projeto promove a higiene pessoal e o autocuidado em diferentes locais da cidade e dias da semana, evidenciando a falta de políticas públicas e a necessidade de inclusão dessas pessoas.

O equipamento do Banho Solidário sai pelas ruas de Valadares, das 18h às 21h, em 4 dias da semana, atendendo as pessoas em situação de rua em pontos diferentes e já previamente combinados a cada dia. Quem vai usar o serviço ajuda a instalar o equipamento, ligando o gerador de energia, conectando a mangueira em alguma torneira na rua para captar água e enchendo o reservatório. Antes do banho, é fornecido um kit com sabonete, roupas limpas e toalha, a qual é devolvida para ser usada novamente. Com água abundante e aquecida, o projeto oferece banheiro feminino e masculino e uma pia com espelho no lado externo.

O coordenador da Caritas Diocesana de Governador Valadares, Xabier Galarza, conta que ao promover o banho, a equipe também interage com o público levando informações sobre a pandemia e orientações de higiene, além de outros assuntos gerais. A equipe é formada por duas pessoas que vão a campo oferecer o serviço e outras voluntárias que arrecadam e fazem a triagem das doações de roupas.

“A pandemia faz referência à falta de saúde e evidencia os grupos de risco existentes na sociedade”, afirma Xavier. Ele chama atenção para a necessidade do incentivo à solidariedade entre as pessoas, à partilha e ao cuidado com os excluídos: “a pandemia evidencia o lado genuinamente evangélico da caridade com os mais excluídos”. Segundo Xavier, o projeto também é uma ferramenta de inclusão social, uma vez que trabalha com a dignidade e incentiva a solidariedade das pessoas atendidas, além de fazer incidência política ao promover um serviço negado pelo poder público municipal.

O Banho Solidário é coordenado pela Pastoral do Povo de Rua e gerido pela Cáritas Diocesana de Governador Valadares. Para a coordenadora da Pastoral, Maria Gorette Coelho, essa parceria é fundamental para a realização do projeto e deve se fortalecer cada vez mais. “No trabalho com a população em situação de rua, Pastoral e Cáritas têm que estar juntas. A gente não pensa em fazer ação isolada”, afirma.

Gorette conta que quem começou o projeto foi a empresária Jullyana Alves. “Com recursos próprios, ela promovia o banho uma vez por semana em uma ação cidadã”, lembra. Com a pandemia, a empresária não pôde continuar a ação e o equipamento ficou parado. No mesmo período, a Pastoral do Povo de Rua e a Cáritas procuraram os grupos e pessoas que realizavam trabalhos com as pessoas em situação de rua para articular um planejamento emergencial. “Jullyana se disponibilizou a ajudar no que pudesse e emprestou o equipamento para darmos continuidade ao projeto”, conta Gorette.

Entre as ações solidárias emergenciais na pandemia, a Cáritas Diocesana de Governador Valadares e a Pastoral do Povo de Rua também organizaram a entrega de marmitex a noite. Com a participação de voluntários que já realizavam essa doação, atualmente a ação garante alimentação, pelo menos uma vez ao dia, às pessoas em situação de rua na cidade.

Por: Cáritas Minas Gerais

Compartilhe esta notícia:
Nome:
E-mail:
E-mail do amigo:
Últimas Notícias
                  
Área do Participante
Esqueceu sua senha? Ainda não tem cadastro? Clique aqui.
Área do Participante
Esqueceu sua senha? Ainda não tem cadastro? Clique aqui.
Esqueceu a senha
Inscreva-se