(31) 3224-2434
(31) 3224-0017
 Área do Usuário Entre ou cadastre-se
Artigo
            Publicações             Artigos             Uma Igreja samaritana
Uma Igreja samaritana 03 de Maio de 2021 Dom João Justino de Medeiros Silva Artigo dos Bispos Uma Igreja samaritana se inspira no modelo do bom samaritano, segundo a parábola contada por Jesus (cf. Lc 10,29-37)
Dom João Justino de Medeiros Silva
Dom João Justino de Medeiros Silva Arcebispo Metropolitano de Montes Claros - MG
A a     

A Igreja de Montes Claros está celebrando sua IV Assembleia Arquidiocesana de Pastoral. O processo da Assembleia foi oficialmente lançado em 10 dezembro de 2019. Em fevereiro de 2020 realizamos um grande encontro de abertura do Ano Pastoral, com a participação de aproximadamente 500 irmãos e irmãs, entre leigos e leigas, consagrados e consagradas, seminaristas, diáconos e padres. Grande entusiasmo se via no olhar de todos. Foi um passo significativo para o caminho da IV AAP, como ficava conhecida a IV Assembleia. Um total de 15 mil cartilhas de encontros de quaresma e páscoa foi distribuído para as paróquias, com a intenção de ouvir as vozes das comunidades. Mas logo chegou a pandemia e um novo ritmo se impôs. Muitos perguntavam: a Assembleia vai ser cancelada? Ou interrompida? O que será feito?

Num clima de oração e de escuta da nova situação, uma luz se acendeu. Inevitavelmente a pandemia trouxe um novo ritmo para a Assembleia, mas não há que se pensar em cancelamento ou interrupção. Logo compreendeu-se a necessidade de extensão da IV AAP, fixando novos prazos e fazendo as adaptações necessárias. Com criatividade e persistência da parte da Comissão Organizadora e das equipes paroquiais para animação da Assembleia. E, assim, continuamos.

Quando do lançamento da Assembleia, escrevemos uma mensagem pastoral e afirmávamos: “A Assembleia é o Pentecostes da Igreja local. É a retomada do entusiasmo dos discípulos de Emaús, que após reconhecerem o Senhor voltaram correndo até Jerusalém para anunciá-Lo (cf. Lc 24,13-35). A Assembleia será oportunidade de renovarmos nosso compromisso de viver como discípulos missionários de Jesus Cristo numa Igreja misericordiosa, samaritana e profética a serviço da construção de uma sociedade justa e fraterna, que é o sonho de Jesus”. Hoje estamos cientes de que esse sonho já se faz realidade.

Uma Igreja samaritana se inspira no modelo do bom samaritano, segundo a parábola contada por Jesus (cf. Lc 10,29-37). É uma Igreja que não passa ao largo daqueles que estão tombados à beira do caminho. E é isso que se verifica nas comunidades, que desde o início da pandemia foram se reinventando para viver a fraternidade e o amor pelos mais pobres. A atenção com as pessoas dos grupos de risco, a imediata implantação das regras de higiene em cada um dos espaços das igrejas, a implantação do Serviço SOS Escuta, o atendimento por parte dos sacerdotes de confissões e unções dos enfermos, a adaptação para a transmissão das missas, com envolvimento de tantos agentes da pastoral da comunicação, a abertura de novos horários para facilitar o acesso às celebrações, as carreatas para celebrar Corpus Christi e santos padroeiros... Quanto tem sido feito! E se fôssemos recordar as instituições católicas de assistência social? Espaço não haveria aqui.

Nesse conjunto de ações, destaca-se a Campanha “E me destes de comer”. As comunidades e paróquias, associações e movimentos estão a demonstrar que é urgente ser uma Igreja samaritana. Na verdade, desde o início da pandemia houve inúmeras iniciativas para entregar alimentos às famílias mais necessitadas. Na segunda onda da pandemia, com o aumento da pobreza, a generosidade de quem pode partilhar não diminuiu. É importante agradecer a todos os construtores da Igreja samaritana. Reforça em todos nós o compromisso de fazer dessa, uma “Assembleia da compaixão”.

 

Compartilhe este artigo:
Nome:
E-mail:
E-mail do amigo:
Últimas Notícias
                  
Área do Participante
Esqueceu sua senha? Ainda não tem cadastro? Clique aqui.
Área do Participante
Esqueceu sua senha? Ainda não tem cadastro? Clique aqui.
Esqueceu a senha
Inscreva-se