(31) 3224-2434
(31) 3224-0017
Artigo
            Publicações             Artigos             No nosso mundo também há trigo
No nosso mundo também há trigo 17 de Julho de 2014 Dom Eurico dos Santos Veloso Artigo dos Bispos Em nossa sociedade, em nossa família e em cada um de nós, há muito mais trigo do que joio.
Dom Eurico dos Santos Veloso
Dom Eurico dos Santos Veloso Arcebispo Emérito de Juiz de Fora - MG
A a     

Estamos conscientes da existência da maldade no nosso mundo. Continuamente, os meios de comunicação nos informam sobre violência, mortes, ódios e outros tantos sinais do mal que cresce na nossa sociedade. Por isso, quando lemos o evangelho do décimo sexto domingo do Tempo Comum, logo identificamos a cizânia e, em seguida, lhe pomos nomes e sobrenomes. Até mesmo na nossa família, é fácil encontrá-la. Entretanto, nós nos esquecemos do lado positivo.

É que a parábola, contra todo pessimismo que tantas vezes nos invade, primeiro afirma que há muito trigo semeado. Tanto, que vale a pena aguardar o momento da colheita para exterminar o mal. Há muita boa semente plantada pelo Filho do Homem, como diz o próprio Jesus em sua explicação sobre a parábola. Essa boa semente está crescendo no nosso mundo. Há os que só querem ver a discórdia no campo, mas a realidade é que lá predomina a boa semente, o trigo. Se apenas houvesse discórdia, o dono do campo teria mandado que fosse toda arrancada. Não haveria razão alguma para que esperássemos até a colheita. Algo semelhante nos diz Jesus na parábola do fermento. Apenas um pouco de fermento é suficiente para que se levede toda a massa, mesmo que alguns pensem que isso seja impossível. Diante daqueles que pensam que a maçã podre poderá estragar as demais, Jesus afirma que a boa maçã será capaz de transformar as outras.

As leituras deste domingo nos trazem uma mensagem cheia de vida e esperança.

Em nossa sociedade, em nossa família e em cada um de nós, há muito mais trigo do que joio. Há muito mais para se salvar que para condenar. E mais ainda, nenhuma pessoa está definitivamente condenada. Nosso Deus espera por todos até o momento da colheita.

Então, será o momento da purificação final, que salvará tudo o que for trigo em nós e nos libertará definitivamente do peso do mal. O Espírito Santo nos auxilia nesse caminho.

Que Ele nos ajude a segui-lo, combatendo o mal entre nós e entre nossos irmãos.

Compartilhe este artigo:
Nome:
E-mail:
E-mail do amigo:
Últimas Notícias
                  
Área do Participante
Esqueceu sua senha? Ainda não tem cadastro? Clique aqui.
Área do Participante
Esqueceu sua senha? Ainda não tem cadastro? Clique aqui.
Esqueceu a senha
Inscreva-se