(31) 3224-2434
(31) 3224-0017
Artigo
            Publicações             Artigos             A eficácia transformadora de Cristo Vivo
A eficácia transformadora de Cristo Vivo 22 de Abril de 2020 Dom Eurico dos Santos Veloso Artigo dos Bispos "O Ressuscitado vive entre nós"
Dom Eurico dos Santos Veloso
Dom Eurico dos Santos Veloso Arcebispo Emérito de Juiz de Fora - MG
A a     

A liturgia deste terceiro domingo convida-nos a descobrir esse Cristo vivo que acompanha os homens pelos caminhos do mundo, que com a sua Palavra anima os corações magoados e desolados, que se revela sempre que a comunidade dos discípulos se reúne para "partir o pão"; apela, ainda, a que os discípulos sejam as testemunhas da ressurreição diante dos homens. O Ressuscitado vive entre nós! Celebrando este Dia do Senhor, experimentamos a eficácia transformadora do Cristo vivo no seio de nossa Mãe Igreja.

É no Evangelho(cf. Lc 24,13-35), sobretudo, que esta mensagem aparece de forma nítida. O texto que nos é proposto põe Cristo, vivo e ressuscitado, a caminhar ao lado dos discípulos, a explicar-lhes as Escrituras, a encher-lhes o coração de esperança e a sentar-Se com eles à mesa para "partir o pão". É aí que os discípulos O reconhecem. Durante a longa caminhada de Jerusalém a Emaús, o peregrino desconhecido não se revela diretamente aos dois discípulos desanimados. Ele conversa com eles, não com suas próprias palavras, mas com as palavras da Sagrada Escrituras. Ele põe diante deles o ensinamento de Moisés e dos profetas e os lembra da mensagem constante do Antigo Testamento: “Não era necessário que o Cristo sofresse tudo isso para entrar em sua glória(cf. Lc 24,26). Ele até os repreende por sua lentidão e falta de inteligência em “crer em tudo o que os profetas falaram”.

A primeira leitura(cf. At 2,14.22-33) mostra (através da história de Jesus) como do amor que se faz dom a Deus e aos irmãos, brota sempre ressurreição e vida nova; e convida a comunidade de Jesus a testemunhar essa realidade diante dos homens.

A segunda leitura(cf. 1Pd 1,17-21) convida a contemplar com olhos de ver o projeto salvador de Deus, o amor de Deus pelos homens (expresso na cruz de Jesus e na sua ressurreição). Constatando a grandeza do amor de Deus, aceitamos o seu apelo a uma vida nova.

Compartilhe este artigo:
Nome:
E-mail:
E-mail do amigo:
Últimas Notícias
                  
Área do Participante
Esqueceu sua senha? Ainda não tem cadastro? Clique aqui.
Área do Participante
Esqueceu sua senha? Ainda não tem cadastro? Clique aqui.
Esqueceu a senha
Inscreva-se